Configurando o GIMP versão 2.10.18



   Olá, pessoal. Com as novas mudanças no GIMP, achei que seria interessante fazer uma postagem sobre como eu configuro o programa para ilustrar/desenhar. Fiz três vídeos  mostrando como configurar a interface do GIMP, as ferramentas e o próprio programa. Os videos estão em velocidade normal, exceto o vídeo I que foi levemente acelerado, no entanto, acredito que todos estão bem claros. Veja com calma e congele nos pontos onde tiver dúvidas ou volte e reveja os pontos que não ficarem claros. Tudo o que mostro aqui foi tirado do Manual do GIMP e também como resultado da minha experiência pessoal, por isso muitas coisas podem e devem ser modificadas e adaptadas a seu gosto pessoal e às suas necessidades. O importante é que experimente, principalmente na parte da configuração de interface.
No primeiro vídeo mostro como lidar com as "caixas de diálogos acopláveis"
e vocês podem acompanhar por esses links do Manual:
Janelas de encaixe de diálogos
https://docs.gimp.org/2.10/pt_BR/gimp-concepts-docks.html

Um detalhe importante a todos que querem trabalhar com pincéis novos ou importados de outra fonte, pincéis que não são os padrões do GIMP, já que esses não são editáveis, exceto os primeiros do grupo( Aqueles redondos com bordas esmaecidas e os retangulares, achatados. São os pincéis  tipo ".vbr" ) é que para ter acesso a funções como "Opacidade", "Tamanho", "Ângulo", "Cor" etc, será preciso ativar a caixa de diálogos "Dinâmicas de Pintura" que fica no Menu- Janela - Diálogos de encaixe - Paint Dynamics ( "Dinâmicas de Pintura") e criar uma nova dinâmica, clicando no 2º ícone dessa caixa de diálogo. Para editar os ".vbr", é só clicar no 3º ícone na caixa de Navegação de Pincéis e uma nova janela de edição desse pincel duplicado aparecerá quando clicar nele novamente. Faça as alterações e acesse o pincel duplicado na janela de Navegação de Pincéis.



Deixo aqui mais alguns links importantes do Manual que podem ajudar bastante:
janelas principais
https://docs.gimp.org/2.10/pt_BR/gimp-concepts-main-windows.html#gimp-concepts-toolbox

janela principal
https://docs.gimp.org/2.10/pt_BR/gimp-image-window.html



destravando o gimp
https://docs.gimp.org/2.10/pt_BR/gimp-getting-unstuck.html#gimp-using-getting-unstuck

sobre o preferences
https://docs.gimp.org/2.10/pt_BR/gimp-pimping.html

Sobre Dinâmicas de Pintura
https://docs.gimp.org/2.10/pt_BR/gimp-tool-dynamics.html


  Nesse último vídeo, mostro porque eu gosto de trabalhar com o GIMP no modo de "janela de utilidades" ao invés do modo "janela única". É que nesse primeiro modo, posso trabalhar com uma segunda visualização ativada e girada horizontalmente, como demonstrei aqui. Isso facilita bastante desenhar em duas vistas sem ter que ficar girando a imagem a todo momento. Para mim é mais confortável e produtivo desenhar direto nas duas visualizações ao mesmo tempo.

GIMP 2.10.18 -Ferramenta de transformação 3D - testes em desenhos.




Seria possível usar a nova ferramenta de transformação 3D em desenhos e pinturas?
Por esses dias, saiu a versão 2.10.18 do GIMP com várias novidades e entre elas  uma nova ferramenta de rotação 3D! Para trabalhar com letras funciona muito bem, então pensei se seria possível aplicá-la aos desenhos...
Depois desse rápido teste, acredito que ela atenda bem... até certo ponto e, com auxílio de outras ferramentas de transformações. No video onde a ferramenta de "Deformação" das imagens parece ter falhado, aconteceu porque a resolução da arte era baixa e parece que essa ferramenta atua melhor com imagens com resoluções mais altas. Não  me pareceu um "bug".
Concluindo: esse recurso, pode ser um auxílio interessante tanto na fase de esboço como no desenho concluído.
E aí? Você já experimentou?



Mozart Couto - imagens para serem usadas como pincéis do Krita



Há algum tempo que venho pensando em separar algumas "marcas" ( imagens ) que utilizo para criar meus pincéis no GIMP e também para o Krita. Aí estão elas! Utilizando essas marcas você pode criar seus presets e compartilhar com a comunidade. Elas são livres para utilização pessoal e profissional/comercial. Estão sob uma licença "Creative Commons Attribution-ShareAlike 4.0 International License".
Você pode escolher qualquer pincel do Krita e, nas configurações de pincéis, em "Tamanho de pincel", escolher qualquer dessas marcas que aparecerão na aba "Definidos" e usá-las, aproveitando as configurações do pincel que escolheu. Pode modificar prâmetros e ainda salvar como um novo preset. Para maiores detalhes, pesquise isso e muito mais no Manual do Krita em Português:
https://docs.krita.org/pt_PT/
Carregar e gravar pincéis:
https://docs.krita.org/pt_PT/user_manual/loading_saving_brushes.html
Vale a pena estudar isso:
https://docs.krita.org/pt_PT/reference_manual/brushes.html

IMPORTANTE: Leia o FAQ:
https://docs.krita.org/pt_PT/KritaFAQ.html#where-are-the-configuration-files-stored
O pacote de marcas "MZ" Brs for Krita  você pode baixar o arquivo .zip aqui:
https://mega.nz/#!8Uo0hSKb!hteBBJZOiHSepzRQHQDD1UxjN6MqvEWAmLvHxKR4h-o

Dicas rápidas do Manual
https://docs.krita.org/pt_PT/KritaFAQ.html#license-rights-and-the-krita-foundation

As imagens abaixo estão no pacote de pincéis ( marcas ).Resolvi colocá-las aqui também para facilitar. Estas imagens são para usuários Linux.





"MZ Gimp-Brushes" - para uso no GIMP e no Krita.





Aqui está a Versão 2 dos "MZ Gimp-Brushes". Resolvi fazer algumas mudanças em vários pinceis desse pacote criado por mim. Para trabalhar com essas “marcas” é INDISPENSÁVEL recorrer às "Dinâmicas de Pintura", criando novas dinâmicas, e seus grandes recursos, além das configurações de pincéis em "Opções de Ferramentas". Esses pinceis, essas formas/marcas básicas, podem ser utilizadas também com outras ferramentas como "Borracha", "Clone" e a "Ferramenta de Borrar".Esta serve para misturar as cores se utilizada a 100% de intensidade no parâmetro "Taxa". Já no parâmetro “Fluxo” podemos conseguir, ao aumentar a porcentagem além de 0%, uma mistura real ( Blend ) de cores com efeito muito mais intenso se habilitada a opção "Borda Dura". Com tudo isso em ação, temos um conjunto de fatores que se somam para criar pinceladas belas e extravagantes ou que simulem efeitos de técnicas utilizadas na pintura tradicional tais como a aquarela, a pintura com tinta acrílica, o desenho com pastel, com carvão, ou um simples traço de lápis. 
Para instalar, basta descompactar esse arquivo e colocar a pasta na pasta "brushes" na pasta de trabalho do GIMP . no Krita, se faz o mesmo, colocando a pasta dentro da pasta de pincéis do programa. No GIMP é possível também indicar ao programa onde está a pasta descompactada no seu computador, acessando o Menu- Preferências- Pastas - Brushes.
OBS. Recomendo que mantenham uma cópia dessa versão guardada em algum outro local de seu sistema ou disco externo.
Embora seja possível o uso desses pinceis com o mouse, carimbando os pincéis na imagem, pode-se obter resultado muito melhor com uma mesa digitalizadora com ou sem as funções mais sofisticadas de alguns modelos, tais como "Giro" ou "Efeitos por inclinação".
Observe bem nos meus videos no meu canal no You Tube (https://www.youtube.com/user/coutomoz ) , que as opções de "Dinâmicas de pintura" são mexidas sempre, assim como as alterações q ue faço nos itens de configurações das "Opções de Ferramentas". Vale lembrar também que é possível gravar todas as combinações de Dinâmicas feitas pelo usuário, criando assim "Presets" aos quais é possível recorrer a qualquer momento e obter os mesmos resultados de uma combinação definida pelo usuário como excelente e necessária para utilização repetidas vezes. Finalizando, esses pinceis estão sob uma licença de uso que permite sejam utilizados em seus trabalhos profissionais ou não, sem ter que pagar nada por isso! E é permitido redistribuir o pacote com mudanças ( Em qualquer pincel! ) que o usuário queira fazer. O pacote pode ser usado em qualquer sistema operacional ( Linux, BSD, MAC ou Windows) que tenha o GIMP instalado. Bom divertimento e bom trabalho! Deem notícias sobre suas experiências e compartilhem as mudanças que fizerem nos próprios pinceis ou as ferramentas pré-cofiguradas ( Presets) que criarem.
NOTA: Lembrando que, para salvar um Preset, clique no Primeiro ícone embaixo, nas "Opções de ferramentas" - "Salvar configurações de ferramentas"- escolha "Nova Definição de ferramenta" e, na janela que abrir: "Editor de configurações de ferramentas", escolha as opções que desejar manter no seu preset. Escolha um nome e clique em salvar. Para acessar o novo Preset gravado clique no segundo ícone abaixo, em "Opções de ferramentas", clique em "Restaurar Configurações de ferramentas" e escolha seu novo Preset na lista de Presets.

LINK para baixar "MZ GIMP BRUSHES” para GIMP e Krita ) :
https://mega.nz/#!1MwFACjB!WnOPIbJg2Syjhy_5cE_P3kJfu_dEMFTaWU5SHVhMTNs 

Videos para consulta:

Retomando a caminhada

Olá, Pessoal.
Depois de refletir um pouco e estruturar novas táticas para continuar, resolvi não terminar com o blog. Com o tempo, vocês verão como ele terá sua função. Espero que, melhorada. Deixo aqui, hoje, uma imagem que fiz no Krita, experimentando pincéis nativos do programa e alguns outros, baixados na página, na seção de resources. Temos então a imagem e sua versão na interface do Krita rodando no Ubuntu Mate 18.04.3 ( Gnu/Linux) Além dos pincéis, recomendo o estudo do Manual Online do Usuário do programa que agora tem uma versão em Português, o que agiliza bastante o aprendizado. O Krita, atualmente é, sem dúvida, o programa ideal para quem trabalha com Quadrinhos e ilustração. A sua criatividade, como artista, é o limite ( se é que ele existe).



Configurando o GIMP versão 2.10.18

   Olá, pessoal. Com as novas mudanças no GIMP, achei que seria interessante fazer uma postagem sobre como eu configuro o programa para ...